Pipoca de Sagu

Texturas feitas à mão em panelas de cerâmica
9 de março de 2018
Mac and Cheese (Macarrão e Queijo) fácil
13 de março de 2018
Mostrar todos

O OBA Gastronomia de hoje é quase uma brincadeira. É claro que não é pipoca, mas pode até passar por. Pipoca de Sagu é uma daquelas coisas que surpreende,  boa para preparar com crianças. De quebra, algumas curiosidades sobre o Sagu.

Sagu é uma fécula extraída de várias espécies de plantas, chamadas popularmente saguzeiros, especialmente a Metroxylon sagu (uma palmeira) e a Cycas rumphii (um espécie de gimnosperma), sendo utilizada como alimento básico no Extremo Oriente e feito a partir do amido processado encontrados no interior do tronco dessas plantas. O saguzeiro costuma crescer muito rapidamente cerca de 1,5 m por ano, nas planícies e pântanos de água doce dos trópicos.

Sagu de Mandioca

Provavelmente por extensão de sentido, conforme explica o Dicionário Houaiss da Língua Portuguesa, os navegadores portugueses que transitavam entre América e Ásia associaram a palavra sagu à goma (amido) que os índios brasileiros extraíam da mandioca, a qual chamam de tapioca. Como a palavra tapioca designa também uma iguaria específica, estabeleceu-se que a fécula da mandioca granulada em formato de pequenas pérolas seria chamada “sagu” no português do Brasil. Nessas idas e vindas, os exploradores portugueses espalharam o plantio da mandioca na Ásia e Oceania, onde se consome o das palmeiras. No português de Portugal, a expressão sagu designa apenas a fécula das palmeiras.

O sagu brasileiro é feito de fécula de mandioca, que por sua vez é um subproduto da moagem do tubérculo para a confecção de farinha.

Em todo o Brasil o sagu é mais empregado em receitas doces, servido como sobremesa que também é chamada de Sagu, feito com vinho, leite, suco de uva, suco de laranja, suco de abacaxi, leite de coco, temperado ou não com especiarias, gengibre e/ou ervas aromáticas. Não se descarta seu uso em pratos salgados e sopas.

O sagu também é empregado no artesanato caseiro, com adição de corantes, essências e fixador para sabonete e embalados em um tipo especial de tecido para compor sachês perfumados.

Nos Estados Unidos, o sagu brasileiro é chamado de tapioca em pérola. Em 2008, o chefe norte-americano Andrew D’Ambrosi venceu um campeonato de culinária em reality show com uma receita de falso caviar, usando sagu tingido com urucum e temperado com suco de laranja.

Chefes brasileiros fazem o falso caviar cozinhando as pérolas de sagu de mandioca em molho de soja e caldo de peixe temperado com hondashi. (Wikipedia)

Para preparar a Pipoca de Sagu, espalhe uma quantidade que cubra o fundo de uma panela de sagu. Não deixe que fiquem sobrepostos. Aqueça e espere que todo o sagu estoure. Retire, tempere com sal e se divirta.

Pipoca de Sagu

por 12 de março de 2018

  • Tempo de Preparo : 5 minutes
  • Tempo de Forno : 5 minutes

Ingredientes

  • Sagu - Quanto Baste

Modo de Preparo

Para preparar a Pipoca de Sagu, espalhe uma quantidade que cubra o fundo de uma panela de sagu. Não deixe que fiquem sobrepostos. Aqueça e espere que todo o sagu estoure. Retire, tempere com sal e se divirta.

Print
Orlando Baumel
Orlando Baumel
Chef de Cozinha, músico e sócio do site junto com a Carol. Casado, pai de 3 lindas garotas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.