Mignon com Shitake e Gengibre – Paulo Zanatta – OBA Gastronomia TV

OBA TV

Mais um vídeo do OBA Gastronomia TV em parceria com a PAMKA TV e Don Max. Desta vez, uma receita do Chef Paulo Zanatta. Um belo Mignon com Shitake e Gengibre para você surpreender seus convidados. Vale a pena assistir. A receita você encontra aqui mesmo.

 

 

Mignon com Shitake e Gengibre – Paulo Zanatta

No OBA Gastronomia de hoje, mais uma receita que em breve estará em nosso canal de vídeos, produzidos em parceria com a PamKa TV e . Desta vez quem prepara é meu amigo e parceiro no OBA TV, Paulo Zanatta.

Mignon com shitake e gengibre 1

A sugestão do Paulinho é um delicioso medalhão de mignon guarnecido de shitake e gengibre. Um prato perfeito para você preparar em um almoço mais festivo ou em um jantar mais sofisticado. Vale a pena experimentar.

Saiba como preparar Roux.

Conheçam nosso canal de vídeos.

OBA TV

 

Mignon com Shitake e Gengibre

Tempo de Preparo 10 minutes
Cook Time 20 minutes
Tempo Total 30 minutes
Porções 1 pessoa

Ingredientes

  • 1 unidade com 180 g Medalhão de mignon
  • 50 g Cogumelo Shitake em fatias
  • 20 g Gengibre em lascas finas
  • 50 ml Molho Shoyu
  • 1/2 unidade pequena Cebola em fatias finas
  • 50 ml Vinho branco seco
  • 50 g Manteiga
  • À gosto Sal e pimenta-do-reino

Instruções

  1. Aqueça uma panela de ferro. Coloque 20 g de manteiga. Tempere o mignon com sal e pimenta e grelhe no ponto desejado. Reserve aquecido.
  2. Em uma panela pequena e funda, derreta o restante da manteiga. Adicione a cebola, o gengibre e o shitake e refogue por 3 minutos.  Despeje o vinho e deixe evaporar. Coloque o shoyu e tempere com sal e pimenta. Deixe cozinhar até o molho encorpar um pouco. Caso ache necessário, ponha um pouco de Roux para deixar mais consistente.
  3. Sirva o mignon com o molho por cima e enfeite com um galho de tomilho.

Dom Max repaginado

Sem perder o charme, meu boteco preferido em Curitiba deu um upgrade  no visual. O Don Max, de meu amigo Paulo Zanatta, está de cara nova.

Don Max fachada

O Don Max é excelência em botecos aqui por Curitiba. Comida boa, simpatia, alto astral e um atendimento bacana demais fazem parte de seu dia-a-dia. Nada disto mudou com a nova decoração que o bar ganhou.

Don Max 1

Nestes quesitos o Paulinho é craque. Um bar pequeno, mas de coração enorme. Um bar para ir sempre, para nunca enjoar. Assim é o Don Max, meu boteco predileto em Curitiba. Vale a pena conhecer as novidades no visual.

Don Max

DON MAX – Bar e Restaurante

Endereço: R. Ten. Max Wolf Filho, 37

Água Verde, Curitiba – PR

Telefone:  (41) 3343-7989

Conheça o Site do Don Max

Barreado no Don Max

O melhor de Curitiba.

Convidado por meu amigo Paulo Zanatta, hoje foi dia de matar saudades do Don Max, um de meus locais preferidos em Curitiba. De quebra, comer o que considero o melhor barreado servido por aqui.

O prato típico do Paraná tem lá seus segredos. Por mais simples que pareça seu preparo, a escolha dos ingredientes é fundamental para o sucesso. Uma carne sem gordura, limpa com a maior das boas vontades, é mais de meio caminho andado. Um tempero equilibrado, sem o cominho estar se sobressaindo a tudo, é o resto do percurso. O mais, é carinho no preparo e simpatia ao servir. E nisto, o Don Max de meu amigo Paulo, é campeão.

O restaurante Don Max é um dos locais clássicos de Curitiba.
Fundado em 10 de março de 1996, por Paulo Zanatta, o Don Max é um sucesso entre os freqüentadores da noite curitibana por causa da boa comida, das cachaças de qualidade e também pelo ambiente descontraído e despojado.

Por tudo isso, já conquistou 10 prêmios “Veja Curitiba”, nas categorias “Bom e Barato”“Melhor Boteco” e “Melhor Petisco”. Também foi premiado pela“Revista Gula” com outros 03 prêmios e, no “Festival Brasil Sabor” pelo Paraná com o prato vencedor “Nhoque de Batata Salsa com Barreado” desenvolvido pelo chef Paulo Zanatta.

Tudo no Don Max é bom demais. Comida honesta e  feita com esmero. O cardápio é bastante extenso, feito para satisfazer todos os tipos de paladares. Aos sábados não é só o barreado que faz as honras da casa. Uma deliciosa feijoada, além de moqueca e outros pratos, deixam os clientes na mais sublime das dúvidas.

O ambiente do Don Max é outro show à parte. Embalado por uma boa música ao vivo, o pequeno e simpático bar/restaurante respira cultura.

Outro diferencial do Don Max é a sua estreita relação com as artes e os artistas de Curitiba e de outras cidades. Não é difícil encontrar “famosos” que vão ao restaurante para provar as cachaças e comer uma das massas especiais. A cachaça virou uma grife. Muitas vezes os produtores locais trazem os artistas porque eles já ouviram falar ou algum amigo recomendou o Don Max”.

Por estas e várias, hoje foi dia de se esbaldar na comida. Considero o barreado uma das comidas mais sensacionais que conheço. Daquelas que nunca enjoo.Para mim, qualquer dia é dia de comer barreado.

No Don Max é servido como deve ser: carne, pirão, arroz, farinha e banana. Simples e genial assim.

A maneira de devorá-lo fica a seu critério. Misturar a carne com a farinha é fundamental. No mais, vai de seu gosto, se quer acompanhado de arroz ou não. O pirão é indispensável e este em especial, imperdível.

No Dom Max é tudo bom demais. Sendo assim, em homenagem a gula, montei um prato completo, com tudo que tinha direito. Prato para ser degustado com os olhos quase fechados.

Para finalizar, uma notícia sensacional. A partir de junho, o Don Max estará servindo o barreado todos os dias da semana. Uma bela opção para saborear o prato mais tradicional do Paraná (e um dos mais do Brasil) sem ter de viajar até Morretes, onde ele reina absoluto.

Meu muito obrigado ao meu querido amigo Paulo Zanatta, o Paulinho, pelo convite e agradável conversa. É sempre um prazer estar no Don Max. Um lugar que eu recomendo sem pestanejar.

Fonte das citações: Site do Don Max

DON MAX – Bar e Restaurante

Rua Tenente Max Wolf Filho, 37

Água Verde  Curitiba – PR

Tel.: (41)  3343-7989