4 receitas com os melhores queijos europeus para aquecer seu inverno

Storybook Circus
Storybook Circus e a Magia dos Doces da Disney
4 de junho de 2018
Mix de pimentas
Mix de Pimentas em Conservas
6 de junho de 2018
Mostrar todos

Foto: Tadeu Brunelli

O inverno é o momento perfeito para convidar a família e os amigos para compartilhar pratos quentes e saborosos preparados com os famosos queijos europeus.

Com a chegada dos dias mais frios e a proximidade do inverno, é hora de preparar receitas que possuem a cara da estação e esquentam o corpo e o paladar. A campanha “Abra seu Paladar”, promovida pelo CNIEL (Centro Nacional Interprofissional da Economia Leiteira) em parceria com a União Europeia, sugere algumas receitas perfeitas para um clima invernal, todas elas utilizando um dos ingredientes mais adorados no continente europeu: queijos.

Fondue Savoyarde Tradicional

A Fondue Savoyardeé um prato delicioso elaborado com os queijos Comté, Emmental e Gruyère.

Ingredientes

– 300 g de Comté

– 300 g de Emmental

– 300 g de Gruyère

– 50 cl de vinho branco seco

– 1 dente de alho

– 3 cl de Kirsch

– 1 pitada de bicarbonato

– 1 colher de café de amido de milho

– Pimenta-do-reino a gosto

– Um pão baguete cortado em pedaços pequenos (o ideal é usar pão do dia anterior)

Modo de preparo:

1- Esfregue um dente de alho cortado ao meio numa panela para fondue (o ideal é usar um tipo de panela de barro resistente ao calor).

2- Adicione o amido de milho dissolvido no vinho branco e deixe ferver.

3- Adicione os queijos em cubos ou ralados e deixe derreter, mexendo sempre em fogo médio (use uma colher de pau e mexa formando um 8).

4- Quando a mistura estiver homogênea e lisa adicione o bicarbonato peneirado para não empelotar.

5- Por último acrescente o Kirsch e misture bem.  Tempere com a pimenta do reino a gosto.

Tempo de preparo: 20 minutos

Rendimento: 4 a 5 porções

*Para acompanhar a sua fondue, a sugestão é escolher um vinho leve, frutado e refrescante.

Dica:

– Para não perder a consistência da sua fondue mantenha-a no réchaud para conservar o calor. Certos tipos de queijos de massa prensada incluindo o Comté, o Emmental e o Gruyère endurecem rapidamente, então não se esqueça de mantê-la bem aquecida.

Gougères*

Esta versão de pão de queijo é geralmente servida durante o aperitivo. Elas são uma delícia quando degustadas quentinhas, recém saídas do forno. Também podem compor perfeitamente um lanchinho da tarde, com uma deliciosa xícara de chá.

Foto: Tadeu Brunelli

Ingredientes

– 250 ml de água

– 1 pitada de sal

– 125g de manteiga

– 150g de farinha

– 4 ovos

– 60g de Comtéralado

– ½ colher(sopa) de noz-moscada

Modo de Preparo

1- Pré-aqueça o forno a 200°C.

2- Ferva a água com o sal e a manteiga.

3- Assim que começar a ferver, retire do fogo e adicione a farinha. Mexa vigorosamente.

4- Volte ao fogo baixo e mexa sem parar.

5- Adicione os ovos, um a um. Em seguida, adicione o Comtéralado e a noz-moscada.

6- Divida a massa em bolinhas e coloque em uma assadeira forrada com papel manteiga.

7- Leve para assar por 15 minutos e deixe dentro do forno, com a porta semiaberta, por mais 5 minutos.

Tempo de preparo: 35 minutos

Rendimento: 40 unidades

*Receita elaborada pelo chef Renato Carioni em parceria com o CNIEL.

Batatas gratinadas ao Manchego, funghi secchi e presunto defumado*

Aromático e de sabor intenso, o Manchego é um queijo de pasta espremida cozida que acrescenta personalidade ao prato e harmoniza perfeitamente com o presunto e o funghi.

Foto: Tadeu Brunelli

Ingredientes

– 600g de batatas
– 200 g de queijo Manchego
– 50 g de funghi secchi
– 150 g de presunto defumado (se preferir, pode usar bacon)
– ½ lata de creme de leite fresco
– 200 ml de leite
– 30 g de manteiga
– 1 dente de alho
– Sal, pimenta-do-reino e noz-moscada moídas na hora

 Modo de preparo

  1. Pré-aqueça o forno a 180°C. Descasque as batatas e corte-as em rodelas de, aproximadamente, 1 cm de espessura. Corte o presunto defumado em cubos de 1 cm x 1 cm.
  2. Em uma panela, junte o leite, o creme de leite e as batatas. Cozinhe em fogo baixo por cerca de 15 minutos ou até as batatas estarem cozidas.
  3. Em outra panela, refogue o presunto, o alho e o funghi secchi (já hidratado) na manteiga. É importante seguir esta ordem.
  4. Junte o presunto e o funghi à mistura de creme de leite e batatas, e misture bem.
    5. Em um refratário, disponha as batatas e cubra-as com queijo Manchego ralado.
  5. Leve o gratin para assar por cerca de 15 minutos ou até que esteja com a superfície dourada.

Rendimento: serve 4 pessoas

Dicas:
– Hidrate o funghi secchi em água fria. Deixe-o de molho por 30 minutos. Retire o funghi da água e esprema para o excesso d’água sair.

– Prefira as batatas de pele roxa. Elas contêm mais amido, o que ajuda a “colar” o gratin.

*Receita elaborada pelo chef Renato Carioni em parceria com o CNIEL.

Capellini com abóbora, castanha-de-caju e Fourme d´Ambert*

Massa é sempre uma boa pedida para os dias frios. O queijo Fourme d´Ambert, feito de leite de vaca, possui sabor forte que contrasta com o sabor da abóbora. A castanha-de-caju dá um toque brasileiro na receita.

Foto: Tadeu Brunelli

Ingredientes

– 200 g de abóbora pescoço

– ½ kg de capellini (ou qualquer outra massa de fio longo)

– 150 g de Fourme d’Ambert

– 1 cebolaroxa

– 50 g de manteiga

– 150 g de castanha-de-caju

– 5 ramos de cebolinha picados

– Sal e pimenta-do-reino moída na hora

Modo de Preparo:

1 – Corte as cebolas em fatias finas e a abóbora em cubos de 2 cm x 2 cm.

2 – Em um panela, refogue em fogo alto a cebola e a abóbora na manteiga, até que a abóbora amoleça.

3 – Cozinhe o macarrão em 5 l de água. Utilize 8 g de sal para cada litro de água. Se a massa for fresca, cozinhe por 5 minutos. Se for seca, siga as instruções do pacote.

4 – Escorra a massa, mas deixe um pouco de água.

5 –  Junte a massa à abóbora e à cebolinha picada, e mexa bem.

6 – Na hora de servir, jogue as castanhas-de-caju e o queijo, picados grosseiramente, por cima da massa.

*Receita elaborada pelo chef Renato Carioni em parceria com o CNIEL

Sobre o Cniel

O CNIEL, Centro Nacional Interprofissional da Economia Leiteira, foi criado em 1973 por produtores e processadores de leite. Seus principais objetivos são facilitar as relações entre ambos e promover uma imagem positiva do leite e produtos lácteos.

Após quatro anos de presença no Brasil com diversas ações, o CNIEL promove atualmente – junto com a União Europeia – a campanha “Abra Seu Paladar”, dos queijos da Europa com o intuito de intensificar o consumo de queijos nos hábitos alimentares dos brasileiros.

Orlando Baumel
Orlando Baumel
Chef de Cozinha, músico e sócio do site junto com a Carol. Casado, pai de 3 lindas garotas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.