Missoshiru – Sopa de Missô

Pa Amb Tomaquèt – Uma “tapa” para todas as horas
26 de maio de 2016
Espaguete Alho e Óleo com Espinafre e Pinolis
30 de maio de 2016
Mostrar todos

Sopa de missô (em japonês: 味噌汁|, transl. missoshiru) é um prato da culinária japonesa, consumido costumeiramente com frequência pelos japoneses. Normalmente é preparado com soja, hondashi, tofu, cebolinha; algumas vezes acrescentam-se outros legumes. O missoshiru é servido antes do prato principal e deve ser consumido quente.

A palavra missoshiru tem como significado caldo de soja fermentada, formada por duas palavras onde misso significa “soja fermentada” e shiru, “caldo”.

Missô

Missô

O misoshiru é composto por dois ingredientes principais: o dashi (caldo de pescado) que é a base da sopa e o missô (pasta feita a partir de soja) que é dissolvido no dashi.

Pode-se usar vários tipos distintos de missô, como o shiromiso (suave e com pouco sal), e o akamiso (forte e salgado).

Algumas pessoas também acrescentam à sopa tofu cortado em cubos, mas este não é um dos ingredientes fundamentais. O restante dos ingredientes ficam a critério do cozinheiro, e podem ser qualquer tipo de verdura como repolho, cebola, cebolinha, nabo e cenoura ou outras coisas como carne de galinha, cogumelos comestíveis ou algas.

Esta sopa é um prato básico da culinária do Japão, servida tanto no café da manhã, almoço ou jantar, sempre acompanhada por outros pratos, como o arroz. Na cultura culinária japonesa o arroz ocupa o papel principal, sendo normalmente acompanhado de vários e variados pratos de menor tamanho. A sopa tem também a propriedade de combater a radiação.

Existem numerosas variedades dependendo das regiões do Japão que possuem seus próprios ingredientes e tipos de missô. Sendo este um prato tradicional muito antigo, começou a consumir-se popularmente a partir da Período Muromachi (1392-1573). (Wikipedia)

Como todas as sopas, você pode utilizar o caldo industrializado, tornando tudo muito mais prático, mas para obter um resultado incrivelmente melhor, preparar o Caldo de Dashi em casa é fundamental. A transcrição abaixo é do livro Culinária Japonesa para Brasileiros, de Yukiko Moriyama.

A coisa mais distinta da culinária japonesa é o uso da alga-marinha gigante seca (kombu), flocos secos de bonito, sardinha seca incluindo misturas instantâneas, para dar o gosto básico para a sopa. Costuma-se dizer que o sucesso da cozinha japonesa começa pelo Caldo de Dashi. É essencial aprender como se prepara um bom caldo básico. Pode-se encontrar misturas instantâneas muito boas, sendo conveniente sempre tê-las em casa.

Caldo de Dashi Básico feito com alga-marinha (kombu)

Ingredientes: 4 xícaras de água/40 g (15 cm) de alga kombu.

Limpe a alga marinha com um pano úmido. Não lave. Deixe a alga mergulhada na água por 1 hora. Aqueça até ferver e retire a alga.

Caldo de Dashi Básico feito com Flocos Secos de Bonito

Ingredientes: 4 xícaras de água/40 g (15 cm) de Kombu/1 xícara de Flocos de Bonito

Caldo primário (Ichiban-dashi)

Aqueça a alga na água em uma panela destampada até ferver. Depois de ferver, retire a alga imediatamente. Adicione mais 1/4  de xícara de água e torne a esquentar. Um pouco antes da água ferver, coloque os flocos de bonito. Quando a espuma começar a subir, reduza o fogo e cozinhe por 10 segundos. Apague o fogo e adicione uma pitada de sal. Desligue e espere que os flocos desçam para o fundo da panela. Coe.

Caldo secundário (Niban-dashi)

O caldo primário combina melhor com as sopas claras. O secundário pode ser usada em sopas grossas e cozidos de legumes. Coloque alga-marinha e os flocos de bonito reservados do caldo primário em 4 xícaras de água. Aqueça até ferver. Reduza o fogo para brando e cozinhe por 15 minutos. Coe.

Caldo de Dashi feito com Sardinhas Secas

Ingredientes: 4 xícaras de água/2 colheres (sopa) de saque/30 g de Kombu (10 cm)/10 sardinhas secas

Como as sardinhas secas produzem um sabor forte de peixe, este caldo é muito usado nas sopas de missô. Retire as cabeças e os intestinos das sardinhas. Lave os peixes e deixe de molho por 3 horas. Coloque todos os ingredientes na água e cozinhe por 15 minutos. Coe.

Com estas explicações, você já pode se arriscar a fazer sua própria Sopa de Missô. Leve e deliciosa, é uma sopa perfeita para qualquer hora. Esta receita que segue é uma das mais básicas e clássicas. Aos poucos vamos sugerindo outras combinações.

Missoshiru

 

Print Friendly, PDF & Email

Missoshiru - Sopa de Missô

por 27 de maio de 2016

Tempo de Preparo : 5 minutes. Tempo de Forno : 20 minutes Porções : 3 pessoas

Ingredientes

Modo de Preparo

Aqueça a água em uma panela média. Quando ferver, diminua o fogo, acrescente o caldo de peixe em pó (se não estiver usando caldo caseiro) e o Missô. Misture rapidamente e junte o tofu. Desligue o fogo e porcione em 3 cumbucas pequenas individuais. Polvilhe a cebolinha por cima e sirva imediatamente.

  • Você encontra caldo de peixe industrializado em lojas de produtos orientais ou bons supermercados.

Missoshiru 1

Print
Orlando Baumel
Orlando Baumel
Chef de Cozinha, músico e sócio do site junto com a Carol. Casado, pai de 3 lindas garotas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d blogueiros gostam disto: