Salada Grega em Ninhos de Batata

Home / Entradas / Salada Grega em Ninhos de Batata

Salada Grega é uma das saladas clássicas do receituário mundial. Está no mesmo patamar que a Lyonnaise, Niçoise, Waldorf, Cesar, entre outras. Quase não exige preparo nenhum, a não ser na escolha dos ingredientes, que devem ser de qualidade. São eles que conferem o nome à salada.

A salada grega (em grego: χωριάτικη σαλάτα, significando “salada campestre”) é uma salada tradicional grega com os ingredientes característicos deste país. A salada original é feita com tomate, pepino, azeitonas pretas, pimentão e cebola roxa. Temperada com sal, pimenta-do-reino, orégano e azeite. A tudo isto juntam-se pedaços de queijo feta, alcaparras e azeitonas kalamata. A alface, apesar do que pensa a maioria das pessoas, é muito rara na salada grega. Há uma variante da salada que se denomina μαρούλι, “alface” em vez de “salada” e é muito diferente: consiste em alface, cebolinha-verde, e endro fresco, tudo regado com azeite e vinagre ou sumo de limão

A salada grega servida como entrada na maioria dos restaurantes na Grécia, seja na capital ou em suas ilhas é composta de: pepino, tomate, queijo feta e alface, que aqui denominamos “alface romana”. (Wikipedia)

Eu já vi diversas versões da Salada Grega. Aqui pelo Brasil, é normal vocês a encontrarem com alguma folha em sua composição. Na versão que passo para vocês, eu inclui agrião, mas é opcional. Um ingrediente que não pode faltar de maneira nenhuma é o Queijo Feta. Eu acredito que ele seja a Alma da Salada Grega.

Feta (em grego: φέτα), também grafado fetta, é um queijo coalhado típico da Grécia, feito tradicionalmente com leite de cabra e de ovelha. A partir de 2005 o feta passou a ser uma denominação de origem controlada na União Europeia, e definido como tendo pelo menos 70% de leite de ovelha, com o restante de cabra. Fora da União Europeia, queijos vendidos normalmente como ‘feta’ podem incluir até mesmo leite de vaca, ou mesmo ser inteiramente feito dele.

O feta é um queijo envelhecido, habitualmente produzido em blocos, com uma textura levemente granulada. É servido como queijo de mesa, assim como em saladas, empadas, tortas e outros alimentos assados, em especial aqueles com massas folhadas – como o spanakopita (“torta de espinafre”) e tyropita (“torta de queijo”).

O feta é salgado e salmourado em água e soro de leite por diversos meses. O queijo, de coloração branca e normalmente agrupado em “bolos” quadrados, seca rapidamente se retirado do soro. Sua consistência pode variar de bem mole a semi-duro, com um sabor pungente e salgado que pode ir do suave ao acentuado. O queijo curado se esfarela facilmente.

Seu conteúdo de gordura varia de 30 a 60 por cento; a maioria tem cerca de 45 por cento de gordura láctea. A maioria dos queijos feta tem um pH de 4,4 a 4,9.[1]

O feta é um ingrediente importante na salada grega. Como outros queijos, também é servido cozido; pode ser grelhado como parte de um sanduíche ou como uma alternativa salgada a outros queijos, numa variedade de pratos. (Wikipedia)

Outro diferencial que inclui nesta receita foi servir a salada em ninhos de batata. Além de dar uma apresentação toda especial, agrega uma crocancia extra ao prato. É ideal para você servir como entrada em um evento mais refinado.

Aprenda a fazer Ninhos de Batata!

Salada Grega em Ninhos de Batata

por 29 de Março de 2017

Tempo de Preparo : 10 minutes. Tempo de Forno : 15 minutes Porções : 4 pessoas

Ingredientes

Modo de Preparo

Prepare os Ninhos de Batata

Aprenda como fazer Ninhos de Batata.

Para o molho

Misture todos os ingredientes e bata bem com um fouet (batedor de arames).

Montagem da salada

Corte os tomatinhos ao meio. Arrume os ingredientes nos ninhos e sirva com o molho à parte. Caso não utilize os ninhos, sirva a salada já temperada.

Print
Orlando Baumel
Orlando Baumel

Chef de Cozinha, músico e sócio do site junto com a Carol. Casado, pai de 3 lindas garotas.