Um dos exercícios mais bacanas de fazer em Gastronomia é produzir seus próprios molhos de pimenta. Utilizando uma só ou um mix das ardidinhas, esperar para ver o resultado é sempre uma tarefa gostosa, misturado com um tanto de ansiedade. Servir seu molho é outro pequeno prazer. Experimentar novas pimentas acaba virando quase um vício. Foi o que aconteceu com este molho que preparei com Pimentas Rocotos, presente de meu vizinho japonês, que adora plantar coisas mais exóticas em sua casa.

Capsicum pubescens é uma pimenta com frutos de tamanho médio, comum no Peru, Bolívia, Chile, Argentina e Equador. Conforme as regiões é localmente designada por rocoto (em quíchua) ou locoto (em aimará).

Os frutos desta espécie de pimenta possuem paredes espessas, tal como os pimentos, mas são muito mais picantes. A folhagem da planta tem cor verde escura e é tomentosa. As flores são de cor púrpura com manchas esbranquiçadas e as sementes são escuras (castanho escuro a preto), enquanto a maioria das sementes de espécies de Capsicum domesticadas têm cor clara. Se suportada, a planta pode atingir uma altura de quase dois metros. É uma planta perene e se protegida da geada e convenientemente podada pode manter-se por muitos anos.

Encontra-se entre as primeiras pimentas a serem domesticadas, sendo já cultivada há 5000 anos. Está provavelmente relacionada com pimentas silvestres que ainda crescem na América do Sul (Capsicum cardenasii, Capsicum eximium e outras). Tal como Capsicum baccatum e Capsicum chinense, trata-se de uma espécie distinta no género Capsicum; a maioria das pimentas são cultivares ou híbridos de Capsicum annuum.

Esta pimenta desenvolve-se bem em climas temperados e até mesmo frescos sem verões quentes, ao contrário da maioria das pimentas picantes.

Apesar de a maioria dos frutos desta espécie ser vermelha, há também um tipo amarelo que é comum nas Caraíbas e México e ainda uma variedade laranja.

Outros nomes comuns: locoto, manzano, canario (tipo amarelo), caballo, e peron.

Usos culinários
Um prato popular na América do Sul, o rocoto relleno do Peru, é preparado recheando rocotos com uma mistura de carne. Ainda no Peru, os rocotos são muitas vezes usados na preparação de ceviche. (Wikipedia)

Molho de Pimenta Rocoto

Tempo de Preparo 10 minutes
Cook Time 10 minutes
Tempo Total 20 minutes
Porções 1 vidro

Ingredientes

  • 5 unidades Pimenta Rocoto
  • 1/2 lata pequena Extrato de tomate
  • 1 unidade pequena Cebola
  • 6 dentes Alho
  • 1 xícara Vinagre
  • 4 colheres sopa Azeite de oliva
  • 3 unidades Cravo
  • 1 folha Louro
  • 10 gotinhas Fumaça líquida
  • À gosto Sal

Instruções

  1. Abra as pimentas e retire as sementes. Pique grosseiramente. Coloque todos os ingredientes no liquidificador e bata bem. Despeje o conteúdo em uma panela e deixe em fogo baixo por 10 minutos. Espere esfriar.
  2. Coloque em vidros de conserva e conserve em geladeira.

Orlando Baumel

Chef de Cozinha, músico e sócio do site junto com a Carol. Casado, pai de 3 lindas garotas.

Deixe uma resposta

Gostaram da Receita




Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.