Camponesa do Minho – Polvo

Presente de Páscoa
23 de abril de 2011
Reaproveitamento – Salada de Alface com Frutas e Castanhas
25 de abril de 2011
Mostrar todos

Um belo restaurante e algumas dicas.

Domingo de Páscoa é lei: almoço no Camponesa do Minho.

Com certeza, um dos melhores (se não o melhor) restaurante de comidas típicas portuguesas de Curitiba. Tudo feito como deve ser feito. Bacalhau de ótima qualidade, em postas e desfiado. O bolinho (foto acima) que considero o melhor da cidade. Um passeio pelo que Portugal tem de melhor.

Hoje não foi diferente. Camponesa reservada e lá vamos nós saborear a espetacular comida deste restaurante tão especial.

Tinha comido bacalhau na sexta, no La Pasta Gialla, então resolvi mudar meu pedido habitual. Outro ingrediente tão presente na culinária lusitana alegrou meu domingo de Páscoa: o Polvo, este molusco tão incompreendido e mal tratado. Quando feito de maneira certa, torna-se um prato inesquecível.

Meu pedido foi o Polvo à Espanhola (engraçado, em um restaurante português). Refogado em azeite de oliva, com pimentões, cebolas e batatas, um prato fantástico. Para quem ainda tem receio de polvo, um prato para tirar qualquer cisma que possa  persistir.

Polvo é uma iguaria. Se bem feito, possui uma carne tenra e com sabor suave. Uma textura maravilhosa e única. Para que isto aconteça, existe uma regra básica: pouquísimo tempo ou muito tempo.

Ou você cozinha polvo em um máximo de 3 minutos ou deixará por até 3 horas. Durante este intervalo, o polvo ficará rijo, como encontramos na grande maioria dos restaurantes (por um descuido inexplicável).

Uma grande forma de preparo, dependendo de como formos utilizar polvo (em uma Paella, por exemplo), eu cozinho em pressão, com  vinho e alho. Panela de pressão tampada; vinho tinto; alho descascado…a partir do momento que a pressão abrir, conto 10 minutos e desligo. Fica maravilhoso.

Voltando à Camponesa do Minho, foi um grande almoço, como sempre. Meu muito obrigado para o João, Dani e Delfim. Comida  e atendimento de primeira qualidade.

Leia mais sobre o Camponesa do Minho.

Print Friendly, PDF & Email
Orlando Baumel
Orlando Baumel
Chef de Cozinha, músico e sócio do site junto com a Carol. Casado, pai de 3 lindas garotas.

1 Comentário

  1. Andrea disse:

    Orlando o Camponesa do Minho tem o melhor bacalhau que eu ja comi, e olha que ja experimentei na Espanha e em POrtugal, alem de outros lugares! O meu favorito e o Na Brasa!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: