Batata Palha

Melão
7 de janeiro de 2011
Fala, Fal! – Almoço de Padre
9 de janeiro de 2011
Mostrar todos

A mais saborosa das fritas.

Batata palha é a mais trabalhosa de preparar, mas todo o esforço compensa.

O termo vem de sua semelhança com palha. Palitos finíssimos, crocantes e dourados, complementam qualquer prato de carne bovina, ave ou frutos do mar. É de preparo demorado, parecendo que nosso trabalho não rende.

A batata palha pode ser cortada na faca (o que exige habilidade no manuseio), porém, o mais usual é usando um mandolin especial ou mesmo o ralador de queijo. Eu preparo as batatas com meu mandolin japonês, uma das melhores aquisições que já fiz em utensílios de cozinha.

Com ele e usando batatas compridas, consigo fios finíssimos e uniformes. A batata deve ser de boa qualidade. Normalmente, utilizo a Binge.

Existem macetes para conseguir uma batata palha beirando a perfeição. A batata escurece rapidamente, devendo ser colocada imediatamente em água após o corte.

Uma dica é colocar a batata na água e trocar duas vezes, mexendo vigorosamente para eliminar uma boa quantidade de amido. Prefira fatiar de manhã e deixar de molho na geladeira. O choque térmico irá auxiliar na crocância na hora da fritura.

Utilize um óleo que suporte altas temperaturas. Quando encontro, uso o de amendoim, o melhor para este processo. Não achando, prefira o de girasol, que também funciona muito bem.

Na hora de preparar, deixe o recipiente das batatas em um lado da pia. Coloque uma peneira embaixo da torneira. Vá colocando porções de batatas na peneira e lave novamente. Deixe escorrer bem e seque em um pano (deixe o mais seco possível). Utilize uma porção compatível com o tamanho de sua panela. Quando colocar a batata no óleo,tome cuidado pois irá subir. Espere acentar e espalhe com o auxílio de um garfo. Frite até dourar e escorra em papel toalha.

Você vai precisar de uma boa quantidade de óleo. Este óleo vai estar muito quente, então, todo cuidado é pouco. Frito as batatas para palha em Wok, uma panela perfeita para conseguir uma fritura uniforme. Na Wok você obterá “discos de batata”, bastando escorrer o excesso de óleo e partir delicadamente com garfo.

Depois de tudo acabado, você vai sentir orgulho de ter conseguido uma batata palha perfeita. Dourada na medida e deliciosamente crocante.

Eu me recuso comer batata de pacote. Qualquer que seja a batata. Depois que comemos uma assim, é perfeitamente compreensível. Acho que se for para comprar batata frita, que opte por outra guarnição. Uma batata de pacote põe a perder um belo prato. Todo este esforço compensa.

Print Friendly, PDF & Email
Orlando Baumel
Orlando Baumel
Chef de Cozinha, músico e sócio do site junto com a Carol. Casado, pai de 3 lindas garotas.

4 Comentários

  1. João Gabriel Margutti Amstalden disse:

    Grande chef Orlando, nunca me passou pela cabeça fazer minhas próprias batatas palha, acredito que a parte mais díficil seja corta-las certo? Na próxima vez que fazer o famoso hot dog, tentarei faze-las para por no lanche!

    abraço

  2. pedro fernando marcelo disse:

    batata palha é uma deliccccccciiiiiiaaaaa

  3. adriana disse:

    Realmente e a mellhor batata palha que provei, e mellhor ainda ,acompanhado de um bom strogonoff de camarão; feito e claro, por mãos maravilhosa do meu chef preferido Orlando B.
    beijooooooo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.