Ambulante Oba

Brancos e Tintos
29 de junho de 2010
Maionese
1 de julho de 2010
Mostrar todos

O Ambulante do Oba.

Um sanduba que vale por um almoço.

Muitos lugares de Curitiba chamam sanduíches de pão com bife de Ambulante. Não sei de onde surgiu este termo, mas como “pegou”, uso para designar a versão que faço dele.

Normalmente, o Ambulante é um sanduíche feito com pão, um bife de mignon e queijo derretido. Simples e delicioso. Você encontra com outros ingredientes, como ovo (o mais normal).

Na versão que faço em casa, coloco ovo, bacon e cebola quase queimada. É um sanduíche que vale por um almoço. Ideal em um dia corrido.

INGREDIENTES

1 pão francês ou d’água (ou outro de sua preferência, como o ciabatta)

1 bife  (aproximadamante  200g) de mignon

1/2 cebola média em rodelas finas

2 fatias de bacon cortadas em tirinhas

1 ovo

Maionese

sal e pimenta-do-reino moída na hora

Alface e tomate para guarnecer

PREPARO

Em uma frigideira, com um fio de azeite, frite o bacon até estar crocante. Retire com uma escumadeira e reserve em papel absorvente. Na mesma frigideira, frite o ovo. Retire e mantenha aquecido. Refogue a cebola, até estar quase queimada.

Tempere o bife com sal e pimenta e grelhe no que sobrou de óleo da frigideira. Retire e reserve. Com a frigideira ainda quente e no fogo, coloque um pouquinho de água e a cebola. Raspe bem o fundo para aproveitar bem os sucos da carne. Deixe o líquido evaporar e desligue o fogo.

Abra o pão, besunte de maionese uma metade e distribua os ingredientes na seguinte ordem: a carne, o ovo, a cebola e o bacon. Sirva guarnecido de alface e tomate em rodelas.

Um sanduíche perfeito para um dia de correria. Ou para qualquer hora que a fome bater.

Orlando Baumel
Orlando Baumel
Chef de Cozinha, músico e sócio do site junto com a Carol. Casado, pai de 3 lindas garotas.

2 Comentários

  1. Carol disse:

    Hum, ambulante em São Paulo (e acredito que em outros estados também) pode preparar alimentos em Grill ou chapa, então eles conseguem fazer esse sanduba sem crise por lá, aqui no Paraná a Vigilância Sanitária não permite que os ambulantes usem Grill, por isso que só temos carrinho de cachorro quente…em dias sem chuva e somente à noite… coisas de Curitiba…Alguns feirantes conseguem a autorização e mesmo assim a muito custo!
    Mas que eu queria um ambulante desses hoje a tarde, aff, queria muito! Lindas Fotos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *