Comida caseira – Viradinho de Feijoada!

dsc03433

Mais uma segunda-feira de comidas caseiras no Oba. Hoje com uma sugestão prá lá de bacana para reutilizar a sobra de sua feijoada: um viradinho.

A festa foi boa. A Feijoada estava uma delícia. E é claro que sempre sobra alguma coisa. Ninguém faz Feijoada contando o número exato de convidados. Então, a idéia sempre é reutilizar esta sobra. Seja deixando como está, seja fazendo outro prato. E este virado fica uma delícia.

Virado é um prato feito com qualquer alimento refogado em óleo, acrescido de alho e cebola e misturado com farinha. Existem inúmeras versões de virado. O mais famoso é o Virado Paulista, feito com feijão amassado e acompanhado de linguiça e ovo frito.

Para este utilizei farinha de milho amarela. E servi acompanhado de bisteca grelhada (temperada só com sal e pimenta-do-reino moída na hora) e ovo frito.

Você pode acrescentar arroz. E até quem sabe umas  rodelas de banana.

dsc03431

Ingredientes

Sobras de Feijoada

Cebola e alho bem picados

Óleo (utilizei banha de porco)

Cheiro verde (salsa e cebolinha picados)

Farinha de milho tipo biju  (pode ser amarela ou branca)

PREPARO

Retire as carnes da sobra de feijoada. Corte as linguiças em pedaços pequenos e desfie as demais.

Aqueça uma frigideira, coloque o óleo e junte a cebola e o alho picados. Deixe até a cebola ficar transparente, tomando cuidado para não queimar o alho.

Adicione o feijão (com um pouco de seu caldo). Vá colocando a farinha de mandioca devagar. Mexa sempre até deixar soltinho, mas ainda úmido. Retifique temperos e coloque o cheiro-verde. Sirva com o acompanhamento de sua escolha.

dsc03428

É uma delícia. Tem um sabor de fazenda. Daquelas comidas feitas em fogão à lenha, cozidas lentamente, sem nenhuma pressa. Para comer ouvindo pássaros. E me lembrou muito as postagens Sabor Brasil do Cozinha é Poesia, que tem receitas maravilhosas com o mesmo caminho.

Fica a sugestão do OBA!

Orlando Baumel

Chef de Cozinha, músico e sócio do site junto com a Carol. Casado, pai de 3 lindas garotas.

Este post tem 3 comentários

  1. Ôba, acho que eu é que vou comer quando chegar em casa.
    iuhuu!!

  2. Orlando, uma feijoada feita com tanto carinho só podia mesmo render um petisco assim delicioso no rescaldo!

    Desconhecia este aproveitamento, mas vou tentar experimentar quando surgir oportunidade.

    Beijinhos. 🙂

  3. Nunca soube dessa possibilidade,já que o Oba deu essa sugestão, vou aplica-la em meu cardápio, como marmiteiro. Abraços Grato

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Fechar Menu