Queijos e Vinhos

Dicas para noivas
24 de junho de 2010
Degustação de vinhos no Pink Fleet
25 de junho de 2010
Mostrar todos

Queijos e Vinhos sem conflitos.

Um delicioso ritual para os dias mais frios.

Esta época do ano (inverno no Brasil), é comum reunir amigos em torno de uma bela mesa de queijos e vinhos, não que só no frio podemos apreciar esta combinação tão harmoniosa, mas são costumes que ficam.

Sábado que passou tive o prazer de comparecer a uma destas reuniões. Bons queijos, bons vinhos e ótimos amigos. Difícil não ser prazeroso.

Porém, existem algumas regras básicas a serem observadas. E são estas regrinhas que o Oba traz para vocês hoje.

A escolha dos queijos

Você não precisa ter queijos de todas as categorias. O mais interessante é incluir queijos de diferentes sabores e texturas, dos suaves aos mais fortes. Lembre-se de servir ao menos um queijo de leite de cabra ou ovelha.

Importante também é diversificar nos formatos e cores. Nunca sirva todos os queijos no mesmo formato. Os queijos devem ser de boa qualidade. Se possível, utilize facas próprias. Queijos nunca devem ser espetados com garfo na hora do corte.

Bons queijos devem ser degustados ao natural. Se optar por acompanhamentos, sirva ingredientes de sabor sutil, que não briguem com o sabor dos queijos. Prefira pães frescos, com casca crocante. Pode servir frutas da estação (evitando as cítricas), frutas secas. Outro bom acompanhamento são as oleaginosas, como castanhas, amêndoa e avelã.

Os vinhos

Um vinho mal escolhido pode matar o sabor de um bom queijo, mesmo sendo um bom vinho. E é bom lembrar, o contrário é verdadeiro.

Queijos frescos

Os queijos frescos são muito apreciados pelos brasileiros. São os queijos ideais para iniciar uma reunião. Estes queijos pedem vinhos brancos frescos, com  boa acidez e aromáticos. Se quiser, também cai muito bem uma garrafa de rosé.

Estes vinhos também acompanham muito bem os queijos cremosos de leite de cabra.

Queijos macios

Estes queijos, como o brie e o camembert, chamam vinhos estruturados, como o Chardonnay. Tintos leves e pouco tanicos, também são uma boa pedida. Um Beaujolais, e até mesmo uma sidra ou um champanhe, não farão feio.

Queijos azuis

Queijos como o roquefort, combinam com vinhos franceses de sobremesa, com alta concentração de açúcar. No caso do italiano gorgonzola, a combinação clássica é um tinto leve, como um Valpolicella, Barbera ou Bardolino. Outra opção é servir um Moscatel português.

Queijos semiduros

O emmenthal, gruyère, minas curado e semicurado, combinam muito bem com tintos leves, como o Pinot Noir. Também combinam com alguns italianos mais leves, como o Barbera. Você pode experimentar também com um branco seco, como o Chardonnay.

Os queijos holandeses gouda e edam, assim como o italiano asiago, pedem vinhos mais potentes, como os feitos da uva Shiraz, de preferência os do Novo Mundo (Austrália, África do Sul). Um Cabernet Sauvignon também fará uma ótima parceria.

Para o provolone, associe com um Chianti Clássico.

Queijos duros

Estes queijos são normalmente deixados para a sequência final, devido ao seu sabor pronunciado, o que acaba ofuscando os demais. Um parmiggiano reggiano é realçado com tintos potentes, como o Cabernet Sauvignon chileno. O queijo pecorino pede um vinho de médio porte, como um Malbec argentino.

Com estas regrinhas básicas e um bom grupo de amigos, sua reunião será inesquecível. Queijos e vinhos são assim, como amigos: quando combinam, nada abala esta parceria.

Print Friendly, PDF & Email
Orlando Baumel
Orlando Baumel
Chef de Cozinha, músico e sócio do site junto com a Carol. Casado, pai de 3 lindas garotas.

4 Comentários

  1. Marcio Santos disse:

    Oi boa noite!!

    Qual e a melhor combinação de queijos, para uma recepção de casamento, para + ou – 100 pessoas, e gostaria de saber se tem opções e outros tipos de arrumação??

    obrigado

    Márcio Santos

  2. Alessandra Ferreira disse:

    Gostei da montagem da mesa,gostaria de receber uma idéia parecida de montagem de mesa para o Natal com vinhos, para uma montagem para hospedes de uma pousada. Muito obrigada…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.