Kino

Michael Jackson
25 de junho de 2009
Restaurante Vermentino
27 de junho de 2009
Mostrar todos

Kino – Pepino chifrudo!

dsc026391

Mais um passeio pelo Mercado Municipal de Curitiba…mais uma fruta esquisita: o Kino!

O kino (ou Kinowa ) é uma fruta da família das curcubitáceas, a mesma da melancia e melão. Tem origem africana. Também é chamada de pepino chifrudo (cosisa fácil de se entender).

De uma beleza invulgar, atrai imediatamente os incautos como eu. Olhei na banca e vi vi aquela fruta linda com uma placa em cima: Kino – sabor de kiwi, banana e lima-da-Pérsia! Claro que você fica imaginando a explosão de sabor que está contido nesta maravilha da natureza.

Perguntei como deveria ser comido…fui informado que muita gente come como maracujá, mas que não era aconselhável devido ao seu amargor. Melhor para sucos…comprei…

Quando cheguei em casa e abri, quase caí de costas…por dentro era muito mais bonita! Aí não resisti! Lembrei do kiwi, da banana e da lima-da-pérsia e comi como se fosse um maracujá…

É realmente de uma beleza rara!

É realmente de uma beleza rara!

É indescritível…não chegou a ser uma das piores coisas que já comi (algumas me recuso, como rim e testículos de touro…), mas passou muito perto!

A boca ficou amarga por um bom tempo. E o arrependimento de não ter seguido o conselho da menina que me vendeu (faça um suquinho, com bastante açucar…) ainda me persegue…

Mas tinha que inventar alguma utilidade com o kino. Claro que tinha o suco, porém achei que ficaria bom em um vinagrete de manga, casaria bem com o sabor e daria uma incrementada no visual! Foi o que fiz…servi com uma salada simples, de radichio e broto de alfafa.

Sugestão bacana para se usar: em vinagrete de manga!

Sugestão bacana para se usar: em vinagrete de manga!

Desta maneira ficou até interessante. A manga esconde um pouco o amargor e as sementes dão uma crocância bem gostosa! Além do visual, que ficou bem bacana!

Fica a sugestão do Oba! Ou façam um suquinho…mas comer como maracujá…

Print Friendly, PDF & Email
Orlando Baumel
Orlando Baumel
Chef de Cozinha, músico e sócio do site junto com a Carol. Casado, pai de 3 lindas garotas.

14 Comentários

  1. Paulo disse:

    EU ADOROO KINO!!!!! EU COMO A PARTE DE DENTRO( AS SEMENTES E A GOSMA VERDE) COM SAL !!!! É MUITO BOM !!!

  2. jordana disse:

    Oi minha mãe tem uma plantação de kino, da tanto que não da conta de comer tudo, então sai distribuindo para todos que chegam em sua casa. Comemos ele mais verdinho, tem um sabor muito semelhante ao pepino aquele mais graudo para salada, fezemos ele da mesma maneira como se faz o pepino descascamos cortamos em rodelinhas e temperamos com vinagre e sal fica uma delicia como se fosse pepino. Experimente.

  3. Terezinha disse:

    Ha,eu fiz a mesma coisa que descreveram no inicio da reportagem:ví no supermercado achei lindo,exótico e comprei,comí um assim que entrei em casa e vou levar os outros dois para minha mãe plantar os carroços,mas acho que ele é realmente um pepino <<>>.

  4. Adelaide disse:

    Sou apaixonada por Kino e Mangostin desde a primeira vez que provei.O Kino,como com açucar e nunca senti amargor algum.Uso quando ele está bem amarelinho.Só não posso exagerar.Um por dia é o suficiente.mais me dá alergia

  5. aline disse:

    acabei de comprar essa fruta bizarra e resolvi procurar informações sobre ela e de como se come, já que esqueci de perguntar no pão de açucar. estou comendo como se fosse maracujá e com açucar – e está delicioso, nada amargo; acho que vou começar a colocar açúcar nos pepinos também, porque pra mim, kino é pepino! só que aguado e azedinho.

  6. lucimara disse:

    acredite que tenho este fruto plantando aqui no meu quintal …pra dizer a verdade nao sei nem como nasceu… como eu nao sabia o que era… pensei no machixo…. fiz ele afogadinho com alho e cebola… mais alguns temperos achei que ficou muito bom pra comer com arroz……..

  7. Elvira disse:

    Acabei de provar essa línda fruta. Corri pro computador pra saber se não estava comendo da forma errada..kkkkkkkkkkkkk.
    pelo jeito vou ter que deixar para amanhã e tentar um molhinho pra salada…. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk.

  8. Dufabricio disse:

    Realmente, kkkkkk tb vou tetar fazer salada..

    Bem eu bati um abacate, e coloquei isso com um pouco de limao siciliano.. rsrs ficou bom, mas não fe diferença nenhuma.. kkkk.. se não tivesse isso no abacate.

  9. Richard disse:

    Bem, eu acabei de chegar do pão de açucar e comprei essa fruta pois tinha uma aparencia deliciosa, veio cortada em 2 pedaços, peguei um pouco com a colher, brother, sabe quando vc espera algo e sente o gosto de outro nada haver ? pois então, eita coisa sem graça, ai tirei tudo de dentro e bati com bastante açucar e agua, ficou bem melhor…. mas não compro mais…..ai vim na net pra ver pra que serve essa coisa ai achei vcs e resolvi comentar tbm…..da proxima vez presto mais atenção naquele ditado, as aparencias enganam…abraços….rsss

  10. ketley disse:

    no mato ao lado da minha casa tem uma plantação com muitos ,porém eu não sabia que ere comestível, áté que vi no mercado e muito caro´resolvi colher e pesquisar na internet,agora que sei acho que vou vende-los a algum mercado´pois não tenho coragem de comer

  11. onil disse:

    Quem tem a semente de Kino para vender?
    entre em contato.

  12. tania disse:

    eu fiz doce e ficou uma delicia. tb como o kino com açúcar eu acho uma delicia. nunca senti amargo no kino.

  13. oi acho que o kino que vc provou estava verde… realmente não é gostoso, mas tb não é ruim! Escolhi um amarelinho (que provei) e um mais verde e duro, depois do seu post vou esperar bastante pra cortar, mas não o que provei não deixou gosto amargo na boca não… mas achei uma fruta meio sem sabor, não comprarei de novo, mas valeu conhecer!

  14. Raquel disse:

    Comigo aconteceu o mesmo! Linda no mercado; medo e dúvida sobre como comer em casa; gosto de “não fede e não cheira”. Melhor do que eu imaginava depois de ler sobre a fruta, mas bem menos saborosa que as frutas brasileiras. Valeu pela experiencia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d blogueiros gostam disto: