Confeitaria Curitibana

Três Super Drinques para seu Carnaval
7 de fevereiro de 2018
Bavette com Queijo Mascarpone e Shitake
8 de fevereiro de 2018
Mostrar todos

Este post é daqueles pra tirar qualquer dúvida sua sobre ir ou não ir na Confeitaria Curitibana: Vá.

Ah, simples assim? É, simples assim, tendo oportunidade: vá.

Com um cardápio variado de doces e salgados, bons cafés e uma excelente carta de drinks, a possibilidade de você encontrar sua nova paixão gastronômica é muito grande.

Antes de chegar nos doces (que pode ser o que te trouxe aqui) eu vou te contar dos salgados. Entre o Couvert de primeira (sim, sou apaixonada por ele), pães, croissants e outras delícias, você já terá uma dificuldade em escolher só um.

Então vamos para as minhas escolhas:

Couvert sempre delicioso, pães variados, queijos, cebola caramelizada e linguicinha Blumenau. Já teci todo o meu amor por essa entrada quando falei sobre o Terrazza 40. E com isso vocês vão descobrir que sou apaixonada por essa linguicinha. Então era natural experimentar o pão de queijo com linguiça Blumenau. Delicioso. Redefiniu minha opinião sobre pão de queijo recheado. Não resisti e também experimentei o Sali Marghi, com pegada indiana, ele tem frango temperado com curry, tomate confitado e uma cebola irresistível! Se quiser experimentar algo diferente, mega recomendo!

Pra acompanhar? Belos Drinks!

Olha, difícil te dizer qual repetir, mas coloquei pela ordem que eu repetiria. O Lagoon é suave, mesmo tendo Vodka, Curaçao Blue e suco de limão, é muito agradável e vem nessa canequinha charmosa que combina muito bem com as sobremesas. O Jardim Botânico é lindo! Vinho do Porto, Prosecco e geleia de pimenta. Um mix de equilíbrio indescritível. Já o Habemus é cítrico, com limão siciliano, pêssego e licor de avelã e um toque de canela.

E os doces? Temos os clássicos e também os temáticos, e apostei neles para a seleção de hoje:

Este é a homenagem ao Museu Oscar Niemeyer, um dos ícones da cidade e parada obrigada de boa parte dos turistas da cidade. Cobertura de chocolate, base de cocada e creme de ovos. Escolhi o Habemus para acompanhar.

Inspiradas Mobiliários Urbanos da Capital, temos o bolo de Red Velvet, aqui em homenagem as Estações Tubo do transporte coletivo e ao lado, um bombom de morango incrível numa apresentação única: inspirado nas floreiras da Rua XV, excepcionalmente hoje com flores artificiais para decorar por uma falta no fornecedor. Tradicionalmente flores comestíveis acompanham a sobremesa.

Quer saber dos clássicos?

Como não amar um doce com cerejas frescas? Servido na pedra então? lindo e delicioso. Peça sem pensar duas vezes!

Escolher os doces é tarefa árdua, Paviloche, Abacaxi na Cachaça, aquela torta Alfajor que é perfeita para os amantes de um bom doce de leite são mais algumas das delícias da casa. A tradicional torta de maçã para aquele dia mais frio também é uma boa pedida.

Mas ok, se você chegou até aqui é porque também quer saber o que mais esperar. Começo contando então minha história. Hoje fazem 2 meses que comecei as tratativas para ir até lá, mas o que aconteceu nesse meio tempo? Só choveu! Muita chuva nessa cidade.

Mas o lugar é ao ar livre? Não, ele é super climatizado e chuva não seria exatamente o problema. Mas esperei dois meses para te mostrar o que vou mostrar agora:

A vista é arrebatadora! Pra quem conhece bem a cidade, dá pra identificar diversos lugares, numa vista de quase 360º.  E pra quem não conhece também, a confeitaria é muito procurada por turistas. Sim, adoro dias de sol e esse foi um dos primeiros dias de sol que curti esse ano.

E enquanto você estiver devorando, seja lá qual for a sua escolha, espero que você também seja brindado com esse lindo por do sol:

Um brinde!

Serviço: Confeitaria Curitibana | Rua Pe. Anchieta 1287 – Cobertura | Curitiba, Paraná |

Carolina Figueiredo
Carolina Figueiredo
Sócia do Oba Gastronomia desde que veio aqui procurar informações sobre um restaurante da cidade e virou amiga do Orlando Baumel. Sou mãe, webdesigner e divagante, amo boa música, bons pratos e uma boa risada.

1 Comentário

  1. Rico Mäder disse:

    Depois desta… vou incluir na minha agenda quando estiver em Curitiba, sem dúvida.
    E vibrar que haja sol, para apreciar #tudojunto, syn!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.