Terrazza 40

Home / Destaque Home / Terrazza 40

Este restaurante é um daqueles que a gente já tinha que ter postado aqui. Mas depois que eu escrever e contar tudo, você vai saber porquê não fizemos isso antes.

O Terrazza 40 fica na cobertura de um Edifício no Champagnat. Em um edifício que por muito tempo foi um dos mais altos da cidade.

Então, antes de qualquer coisa, saiba: a vista de lá é espetacular, seja durante o dia, a noite, ao entardecer… em qualquer momento a bela vista está garantida. Numa visão de quase 360º da cidade.

Mas nem só de vista é feito o Terrazza 40, o ambiente é muito agradável e acolhedor, luz na medida certa para garantir aquele olho no olho durante a conversa sem ser invasivo.  Mas o restaurante vai bem desde uma reunião de negócios a uma comemoração especial. No dia que visitamos a casa, um casal comemorava bodas de diamante, e a família solicitou o serviço de Concierge do restaurante que providenciou uma violinista para tocar uma música ao casal.  Esse é só mais um dos diferenciais da casa.

Com o cardápio em mãos é que começa o sofrimento… escolher somente um prato entre tantas boas opções acaba sendo uma tortura e ao mesmo tempo aquele convite para voltar outras vezes para degustar outras delícias do cardápio.

Pois bem, acompanhem nosso roteiro.

Para a entrada escolhemos o Couvert da Casa, que tem opções para te deixar muito empolgado com o que virá a seguir.

Uma boa variedade de pães, que vão se harmonizar com todas as opções de salgados que acompanham: linguiça Blumenau, queijo provolone defumado, cebola caramelizada e queijo Brie com uma calda com frutas vermelhas.

Tudo conversa de forma surpreendente, a linguiça da melhor qualidade, o provolone defumado e derretido sem ficar salgado demais, o queijo com frutas vermelhas fica suave e delicioso. Eu misturei a cebola com a linguiça e comeria mais umas duas porções sem dificuldade nenhuma, mas sim, o restante do cardápio nos aguarda.

O cardápio é bem resolvido e agrada a diversos paladares, massas, carnes e frutos do mar em propostas irresistíveis, para dizer o mínimo.

Como escolhemos um vinho tinto, optar por uma carne foi o caminho natural, mesmo tendo a tentação de escolher um fruto do mar, com suas belas apresentações.

Então, sem mais delongas, as escolhas da noite foram:

Além das opções de carne vermelha, a casa conta com uma parte reservada para cortes de carne Uruguaios, que já vai te dar um bom trabalho para escolher.

Esta beleza é o prato Pamplona, um belo corte Uruguaio, finamente recheado com tomates, cebolas, queijo mussarela e bacon, temperados com coentro (e sim, sou daquelas que não é simpatizante de quem coloca coentro e deixa tudo com gosto de coentro), tudo isso envolto em um mignon grelhado.

Para acompanhar escolhemos uma farofa muito bem balanceada.

O que eu achei? Se não falar que tem coentro, você nem nota, ele está lá como deve ser, para temperar sem transformar o prato em um Coentro com Carne… rsrsrs.

A riqueza de sabores foi preservado e a cada mordida você encontra um toque de algo do recheio e todos conversam bem entre eles.

Entre  as outras opções do cardápio, considere também o TAPA DE CUADRIL (que é a nossa boa Picanha, mas num nível surpreendente de sabor) e o LOMO (que é um corte de mignon)

Eu já falei que tem frutos do mar no cardápio, certo? No que se refere aos frutos do mar, a indecisão é boa também!

Escolhemos o Bouchée:

bouchee

Ele é uma das novidades do cardápio,  montado sobre um Vol-au-vent, recheado com cubos de congrio rosa salteados em vinho Chardonnay e molho de creme de leite, cebolas e cogumelos.  Para acompanhar, palmitos grelhados.

Ao contrário do anterior, este prato é para uma pessoa, mas acredite, serve muito bem uma pessoa. O prato é fresco e agradável ao paladar, com cada ingrediente presente na medida certa e o palmito grelhado no ponto certo. Leve e na medida para uma refeição noturna. Daqueles que te deixam com saudade do verão e da praia.

Mas o que foi que eu pedi?

Eu sei que tem gente que vai me criticar pela escolha, mas ela tem um caráter informativo, afinal, a maioria dos nossos leitores, acaba nos conhecendo exatamente por este motivo: querem ir a um determinado restaurante e não sabem o que escolher do cardápio.

Esse é o Mignon Con Risotto Al Funghi. Que é o que maioria das pessoas que se sente intimidada com um cardápio mais sofisticado vai acabar optando.

E acredite, ele só vai te deixar com vontade de experimentar todo o resto do cardápio.

Para quem quer uma primeira experiência com gastronomia mais sofisticada é uma excelente opção.

Para quem já é intimo e quer uma boa refeição, ele também será bem vindo, feito com uma boa variedade de cogumelos, é suave, bem temperado e o mignon é servido no ponto que você escolher, no meu caso, veio exatamente como eu pedi.

Falando em servir, consulte a carta de vinhos da casa e escolha a vontade, a carta é ótima e tem excelentes opções de variados valores e que harmonizam muito bem com o cardápio.

Mas essa comilança toda pede uma sobremesa pra fechar a noite.

E pra que uma se a gente pode pedir mais de uma?

Não dava pra esperar menos, certo?

Um alfajor com doce de leite, uma pavlova e um abacaxi na cachaça com sorvete.
Se os pratos foram muito bons, as sobremesas não deixaram nenhuma dúvida que a noite tinha sido muito boa. Doces na medida, sem exageros e na medida do necessário para encerrar a noite.
Fiquei me culpando de ter me empolgado tanto com a entrada, pois com certeza um café pra encerrar a noite ia bem, mas acreditem, não cabia mais nada!

Mas agora, depois que terminei, vou contar porquê esse restaurante ainda não estava em nosso site. Porque é uma gastronomia de experiência! Eu podia ter levado a máquina, ter feito fotos como as que sempre fazemos dos pratos e do ambientes. Eu podia ter tirado fotos das lindas imagens da cidade que você consegue ver lá do topo. Mas nada disso seria igual a sua experiência de ir lá pessoalmente, ser atendido por uma equipe muito bem treinada e sempre sorridente, você não saberia o que é escolher uma entre tantas boas opções e principalmente, boas fotos demandam tempo, e acho que seria um pecado deixar essa comida esfriar (sim, muitas das vezes nós comemos comida fria pra poder tirar boas fotos). Já estivemos lá outras vezes, e sempre foi assim, mas ao mesmo tempo não podíamos deixar de fora um restaurante que está, sem dúvida, entre os melhores da cidade. Façam sua reserva, pois tem dias e horários que não se conseguem mesas! E aproveitem bem esse momento. Depois me contem o que acharam, vou adorar!

Serviço: Fone: 41 3014-0141 | Rua Pe. Anchieta 1287 – Cobertura | Curitiba, Paraná |

Carolina Figueiredo
Carolina Figueiredo

Sócia do Oba Gastronomia desde que veio aqui procurar informações sobre um restaurante da cidade e virou amiga do Orlando Baumel.
Sou mãe, webdesigner e divagante, amo boa música, bons pratos e uma boa risada.