Comida para Solitários

Omelete de Abóbrinha no Pão
22 de fevereiro de 2010
Quibe Frito
24 de fevereiro de 2010
Mostrar todos

Para se comer sozinho.

O Oba reproduz uma reportagem da Jornalista Mariana Sanchez, da Gazeta do Povo de Curitiba, publicado na revista Viver Bem de domingo, dia 21 de fevereiro, da qual participei com algumas sugestões.

Menu Minimalista

Viver bem

Quem mora sozinho não precisa fazer das comidas instantâneas sua base alimentar. Pratos saudáveis e bem elaborados podem ser viáveis com um mínimo de planejamento e organização.

Geladeira vazia criando teia de aranha, armários abarrotados de comida de pacotinho, telefone da pizzaria delivery na ponta da língua. Este cenário, pode apostar, não dura muito tempo na vida de quem mora só. Principalmente daqueles que não resistem aos prazeres da boa alimentação. Cedo ou tarde, até os mais preguiçosos acabam botando a mão na massa e a criatividade para trabalhar.

Há oito anos morando sozinha, a designer Luciana Muniz não mede esforços quando o assunto é comer bem. Avessa às opções instantâneas – “puro junk food, a maioria com gosto de ração”, critica –, ela defende que ninguém deve deixar de fazer uma refeição caprichada por falta de tempo, basta saber se organizar. “No fim de semana eu decido o que quero comer durante a semana, compro os ingredientes e, no domingo, já deixo tudo ‘engatilhado’: verduras limpas e secas em um recipiente na geladeira, carnes temperadas etc”.

Omeletes e saladas bem elaboradas, acompanhadas de um carboidrato, são a preferência da designer, que, apesar de trabalhar em home-office, não dispõe de muito tempo para pilotar a cozinha. “Aprendi uma receita ótima de salmão marinado que não dá trabalho e é uma delícia”, conta. Para ela, azeite de oliva, frutas e legumes, broa de centeio e um bom vinho são ingredientes que não podem faltar em casa, capazes de “salvar” a vida dos solitários.

O chef Orlando Baumel, do site Oba Gastronomia (www.obagastronomia.com.br), inclui na lista o trio macarrão, ovos e batatas: “a quantidade de receitas que pedem estes três ingredientes é quase inacabável”, diz ele, que também sugere ter à mão um kit de especiarias e temperos secos – “com imaginação e um pilão, você transforma um prato simples em uma iguaria”, garante ele.

DESPERDÍCIO

Uma preocupação constante de quem cozinha apenas para si é quanto ao desperdício de alimentos. No exterior, não é difícil encontrar produtos em porções reduzidas nas prateleiras dos supermercados, mas no Brasil – apesar de as famílias estarem “encolhendo” cada vez mais –, as opções ainda são restritas. Para não jogar comida fora, Orlando Baumel avisa que, além de fazer um planejamento semanal e comprar só o necessário, é preciso reaproveitar os alimentos de maneira consciente. “Aquele risoto de hoje pode virar um belo bolinho de risoto amanhã.” Uma dica do chef para economizar tempo e evitar o desperdício é, no caso dos molhos, fazer uma quantidade maior e congelar em forminhas de gelo, para ir usando conforme a necessidade.

Luciana Muniz também procura comprar em pequenas quantidades. Segundo ela, verduras, frutas e bebidas são mais fáceis de achar – já existe no mercado garrafinhas de vinho na versão 187 ml, o volume de uma taça –, mas farinhas, grãos e carnes ainda são um problema para os “avulsos”. “Dificilmente você encontra duas sobrecoxas ou dois filezinhos, o mínimo é sempre quatro”, reclama.

Mesmo com toda a disposição de cozinhar bons pratos para degustar sem companhia, Luciana admite que nem tudo é perfeito: “Em 90% das vezes acabo comendo em frente à tevê, assistindo a um filminho”.

Morar sózinho não é o fim do mundo. Com imaginação e boa vontade, grandes pratos irão fazer a alegria dos solitários.

Muito obrigado à Mariana pela oportunidade!

Publicado em 21/02/2010 | MARIANA SANCHEZ, ESPECIAL PARA A GAZETA DO POVO – MARIANAB@GAZETADOPOVO.COM.BR

Print Friendly, PDF & Email
Orlando Baumel
Orlando Baumel
Chef de Cozinha, músico e sócio do site junto com a Carol. Casado, pai de 3 lindas garotas.

1 Comentário

  1. Carol disse:

    Grande Orlandinho! (que coisa… grande de coração e pequeno de estatura, tudo na mesma frase! ahuahauhauahuahuahua)
    Deixa eu parar de divagar: Parabéns! Ainda mais com o Oba que tem muitas receitas para 1 pessoa, legal mesmo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d blogueiros gostam disto: