Nutrição – É tudo uma questão de equilíbrio!

“E para beber?…”
8 de outubro de 2008
Tipos de saladas
10 de outubro de 2008
Mostrar todos

Probióticos e Prebióticos

“A manutenção de uma flora intestinal saudável ajuda a digestão, previne constipação, promove o fortalecimento do sistema imunológico, resultando em aumento da defesa contra patógenos.”
Conceito clássico de Probióticos: “Microorganismos vivos que afetam benéficamente o hospedeiro, promovendo o balanço de sua microbiota intestinal” (Fuller, 1989).
Exemplos: são as bactérias pertencentes aos gêneros Bifidobactérias e Lactobacilos.
A indústria de laticínios tem utilizado em iogurtes, leites fermentados e queijos.
Esses microorganismos não são patogênicos e têm ação protetora para a flora intestinal (barreira imunológica), promovendo seu equilíbrio.
Prebióticos são componentes alimentares não digeridos pelo trato gastrointestinal, classificados então como fibras solúveis, e são aproveitados ou utilizados pelas bactérias Probióticas, ou seja, servem de substrato para o crescimento dos Probióticos. Essas substâncias atuam mais frequentemente no intestino grosso, onde ocorre fermentação e formação de ácidos graxos de cadeia curta. Esses, por sua vez, reduzem o ph, o que inibe o desenvolvimento de bactérias patogênicas como Salmonella e Escherichia Coli. Alguns alimentos que contém prebióticos são: alcachofra, alho, chicória, cebola, mel e outros.
Simbiose – É o equilíbrio resultante da associação dos Prebióticos com os Probióticos, resultando em efeitos benéficos ao hospedeiro.
Na prática, devemos introduzir ou aumentar a quantidade ingerida de alimentos ricos em Probióticos e Prebióticos lentamente para evitar desconforto abdominal e reverter nos benefícios tão esperados.
Maria Alice Maciel – Nutricionista colaboradora
Então é isto. Logo está começando a estação de alcachofras. Aproveito e passo uma receitinha de um molhinho esperto para comer com as deliciosas folhas. Ah, e rico em Prebióticos!
Molho mediterrâneo para alcachofras
50 ml de azeite extra virgem
1 colher de chá de mostarda (de preferência Dijon)
2 dentes pequenos de alho bem picadinhos
1 raminho de tomilho
Sal e pimenta na altura
Homogeneizar tudo e servir acompanhando a alcachofra.
Print Friendly, PDF & Email
Orlando Baumel
Orlando Baumel
Chef de Cozinha, músico e sócio do site junto com a Carol. Casado, pai de 3 lindas garotas.

0 Comentários

  1. KrisBelucci disse:

    da best. Keep it going! Thank you

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.