Todos os meses analisamos as receitas que são mais acessadas, temos aquelas que sempre estão no topo da lista, mas no mês de julho tivemos uma revolução nos resultados. Além do aumento considerável do número de acessos, tivemos como destaque receitas que adoramos fazer por aqui e que temos certeza que muitos de vocês vão adorar fazer em casa também.

Couve Crocante (e uma sugestão de sanduíche)

A couve é um dos vegetais mais apreciados na culinária brasileira. Um dos ícones da gastronomia mineira e guarnição indispensável da Feijoada, com seu sabor levemente amargo, ela sempre agrada. A maneira mais tradicional de preparar couve é refogada, com um toque de alho, simples e deliciosa. O que acham de sair um pouco deste normal e surpreender seus convidados preparando Couve Crocante?

Ver Receita de Couve Crocante (e uma sugestão de sanduíche)

O Melhor dos Sanduíches de Pastrami

Você conhece Pastrami? Se ainda não teve a oportunidade de provar, está na hora. Pastrami é uma das melhores coisas que você vai experimentar na vida. Podem apostar. Pastrami é carne bovina, especialmente o peito bovino, curado, defumado e depois cozido no vapor. Antigamente este método era utilizado para conservação da carne. Levada pelos  judeus do Leste Europeu que imigraram para os Estados Unidos, o sanduíche preparado com Pastrami virou um ícone, principalmente em Nova York, onde existe uma verdadeira guerra entre as delis para ver quem faz o melhor.

Ver Receita de O Melhor dos Sanduíches de Pastrami

Quiabo Frito com Alho e Limão

O OBA Gastronomia de hoje não poderia estar mais brasileiro. O quiabo, este legume tão incompreendido e às vezes desprezado, é a estrela do dia. Hoje ele aparece em uma versão impossível de resistir.

Ver Receita de Quiabo Frito com Alho e Limão

Lisiele Dieterich Horn

Sou uma aventureira das artes, curiosa por história e lugares. Já morei na Alemanha, onde pude explorar o gosto por viagens e tudo que a envolve: boa comida, bons vinhos e lugares que instigam a nossa imaginação. Sempre explorando o universo gluten-free, e adaptando minha jornada a este novo ingrediente da vida.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Fechar Menu