Taramasalata com Crème Fraiche e Frutos do mar

Home / Entradas / Taramasalata com Crème Fraiche e Frutos do mar

Ingredientes e um pouco de imaginação.

Com bons ingredientes e um pouco de criatividade, podemos fazer coisa incríveis na cozinha.

Em pouco tempo preparamos pratos que farão parte de nosso repertório de cozinha. Quando o assunto são entradas rápidas, a imaginação cria mais asas ainda.  Preparações ligeiras e inusitadas são aceitas, desde que  respeitando a combinação de sabores e texturas.

Taramasalata é um prato de origem grega, uma pasta feita com ovas de bacalhau (às vezes carpa ou salmonete), azeite e limão. Hoje encontramos Taramasalata em empórios gourmets, enlatado ou em potinhos de vidro. Este que usei na receita tem origem russa. Por mais que pareça o contrário, Taramasalata é uma iguaria de sabor muito suave.

Encontrado na Europa e nos Estados Unidos, Crème Fraiche é creme de leite azedo. Originalmente é tratado com uma cultura de bactérias, tornando-o levemente ácido e de textura mais consistente. Como aqui no Brasil é quase impossível encontrar, preparamos creme azedo de seguinte maneira:

Misturar 1 colher (sopa) de suco de limão em 250 ml de creme de leite fresco. Deixe descansar por 10 minutos (até engrossar). Leve para o refrigerador até a hora de usar.

Partindo destes dois ingredientes um tanto incomuns, com mais alguns frutos do mar (cozidos rapidamente e depois grelhados em azeite de oliva extravirgem, também de forma rápida, e temperados com sal e pimenta-do-reino), preparamos uma bela entrada, perfeita para um acontecimento mais formal. No exemplo foi utilizado camarão, lula, polvo e marisco.

Você pode substituir a Taramasalata por outra pasta de sua preferência (existem inúmeras no mercado, como salmão, atum, etc.). Outra sugestão, é substituir a pasta por caviar (fora o verdadeiro, de esturjão, você pode encontrar dos mais diversos peixes nos mercados).

Um verde discreto (como o broto-de-trevo da receita) e está pronto para ser degustado por seus convidados. Sem mais nada a acrescentar.

Uma entrada rápida, refinada e deliciosa. Fica como sugestão.

Orlando Baumel
Orlando Baumel
Chef de Cozinha, músico e sócio do site junto com a Carol. Casado, pai de 3 lindas garotas.
Exibindo 3 comentários
  • ELISABETE TABARASI
    reply

    adorei tudo o que vi, uma verdadeira obra de arte,,,,maravilha!

pingbacks / trackbacks
  • […] deliciosa é essa aqui, a taramasalata, uma entrada grega feito com ovas de bacalhau, do blog Oba […]

  • […] deliciosa é essa aqui, a taramasalata, uma entrada grega feito com ovas de bacalhau, do blog Oba […]

Comente