sal

Cada vez mais o Prime Rib, um corte típico americano, vem ganhando admiradores aqui no Brasil. A legião é tão grande que já ouvi pessoas dizendo que a Picanha está perdendo a majestade. Exageros à parte, o Prime Rib merece a sua fama.

O Prime RIB é a costela de primeira, como a tradução do seu nome em inglês já diz, o corte é extraído da caixa torácica superior da costela do boi. Trata-se de uma carne muito macia e de alta qualidade. O nome “Prime RIB” foi intencionalmente escolhido para mostrar que é a melhor e mais nobre parte da costela. Na Itália, o corte é conhecido como Costata; na Espanha, Chuletón e aqui no Brasil também é chamado de filé de costela.

O Prime RIB possui uma gordura entremeada que acentua seu sabor. A peça é sempre servida com o osso, que além de atenuar o sabor, favorece o perfeito cozimento. O corte da carne é feito na transversal das vertebras como o utilizado na costelinha e na bisteca.

Para aproveitar o melhor do Prime RIB, a carne precisa ser assada em uma grelha ou em uma churrasqueira. Deve-se começar a assá-la pelo lado do osso. Também pode ser preparada no forno, mas não é aconselhável temperá-lo muito, para não mascarar o sabor único da carne. (Fonte: Clube da Carne).

O sabor e a maciez do Prime Rib é alguma coisa de inexplicável, principalmente se você usa uma carne proveniente de um animal Angus, como foi o caso aqui. Nesta carne não existe a opção bem passada. Obrigatoriamente ela deve ser servida mal passada. Só assim você poderá sentir suas virtudes.

O Prime Rib é preparado mais frequentemente em churrasqueira. A receita que eu trago para vocês é para preparar no fogão e finalizar no forno. Uma boa ideia para quem não possui churrasqueira em casa.

Prime Rib na Panela

por 16 de Janeiro de 2018

Tempo de Preparo : 10 minutes. Tempo de Forno : 20 minutes Porções : 4 pessoas

Ingredientes

Modo de Preparo

Deixe a peça de carne em temperatura ambiente por 1 hora. Tempere com  o sal e a pimenta e pincele o azeite de oliva em toda a peça. Aqueça uma frigideira pesada (de preferência de ferro) e coloque a carne. Deixe que doure por 2 minutos em todos os lados, inclusive as laterais.

Coloque a carne em uma grelha em cima de uma forma e leve ao forno pré-aquecido em 200°. Deixe por 12 minutos. Retire e deixe descansar por 5 minutos. Fatie e delicie-se!

 

Print

E pra te deixar ainda com mais água na boca:

 

16 de Janeiro de 2018

O sofisticado Prime Rib

Cada vez mais o Prime Rib, um corte típico americano, vem ganhando admiradores aqui no Brasil. A legião é tão grande que já ouvi pessoas dizendo […]
15 de Janeiro de 2018

Pasta de Alho Assado e Shitake

Pastas são sempre uma boa ideia para você ter na geladeira no caso de visitas surpresas. Rápidas e simples de preparar, elas agradam a quase todo […]
2 de Janeiro de 2018

Pasta de Tender

Acabaram as festas e sobrou comida. Uma constante nesta época. Reaproveitar é sempre bom. Por aqui, o peru normalmente acaba em farofa para um almoço trivial […]
12 de dezembro de 2017

Croque Madame passo a passo com fotos

O OBA Gastronomia de hoje traz um sanduíche clássico francês, o Croque Madame. Servido em quase todas as cafeterias da França, é um sanduíche que vale […]
8 de novembro de 2017

Conserva de Broto de Bambu

Faz um tempo atrás fiquei muito amigo de uma família japonesa, donos de uma lavanderia próxima a minha casa. Quando chegava novembro, eles saiam em busca […]
2 de novembro de 2017

Quiabo Frito com Alho e Limão

O OBA Gastronomia de hoje não poderia estar mais brasileiro. O quiabo, este legume tão incompreendido e às vezes desprezado, é a estrela do dia. Hoje […]
11 de outubro de 2017

Vinagrete de Amora

Cansado de sua salada? Nada que um vinagrete não possa mudar. A mistura mágica de 3 partes de óleo para 1 de vinagre aceita diversas composições […]
2 de outubro de 2017

Quibe Cru Fácil

Faz um bom tempo que publiquei aqui no OBA Gastronomia a receita de Quibe Cru que eu preparava em um restaurante aqui de Curitiba, o Armazém […]
28 de setembro de 2017

Pasta de Ovas de Sardinha – O Caviar Português

As ovas de sardinha são consideradas o caviar de Portugal, pelo seu sabor delicado e singular. Elas são encontradas em conserva no azeite de oliva. Eu […]